Moradores do bairro Monte Alegre, de Camboriú, participaram na noite de quinta-feira, 21 de fevereiro, do Programa Afluentes. Desenvolvida pela Águas de Camboriú, a iniciativa  promove uma integração entre a concessionária e a comunidade. O encontro contou com a presença do presidente da Águas de Camboriú, Carlos Roma Junior, e do gestor operacional da concessionária, Gabriel Balparda Fasola, e foi realizado durante a reunião de pais do Grupo Socioeducacional e Cultural Latarte, com mais de 150 pessoas.

Além de apresentar o trabalho da empresa, o programa Afluentes também esclarece dúvidas da população sobre os serviços prestados pela concessionária e repassa informações importantes sobre saneamento básico, como a importância da limpeza da caixa d’água a cada seis meses e a forma correta para detectar vazamentos.

Durante  o encontro, o presidente da Águas de Camboriú explicou aos participantes que está em fase de licenciamento a implantação do sistema próprio de tratamento de água para atender Camboriú. Hoje, a concessionária compra água tratada de Balneário Camboriú para distribuir à população. Ele também informou que a empresa já apresentou um projeto de concepção para a implantação do tratamento de esgoto, pois hoje a manutenção e operação já estão previstas em contrato. A concessionária aguarda uma definição do poder público municipal.

Conforme Gabriel Fasola, os maiores desafios da concessionária são universalizar a distribuição de água e tratamento de esgoto, melhorar a qualidade de vida através do saneamento, a despoluição do rio Camboriú e a preservação do meio ambiente. Em três anos que a concessionária está na cidade, já foram executadas mais de 2,5 mil novas ligações, beneficiando mais de 9 mil pessoas com água tratada. Ele também fez um balanço da última temporada, onde o abastecimento teve significativa melhoras através dos investimentos feitos,  principalmente nas regiões de morro.