Água

A Águas de Camboriú tem como missão de investir cerca de R$ 160 milhões na universalização dos serviços de saneamento básico. Atualmente, o município não tem tratamento de água próprio e recebe água tratada de Balneário Camboriú, em captação feita no Rio Camboriú. O objetivo é implantar a solução para o abastecimento de água potável a curto prazo, e o início da operação de tratamento de esgoto a partir do quarto ano de contrato, que terá duração total de 35 anos.

O cronograma de trabalho será intenso, porém antes das obras iniciarem efetivamente é preciso aprovar os projetos executivos e obter as devidas licenças ambientais. “Durante muito tempo não se investiu no Brasil em infraestrutura básica. Temos um cronograma que deve ser respeitado e vamos avançando a cada ano, até ter 100% de cobertura de água tratada e tratamento de esgoto”, afirma o Diretor-Presidente da Águas de Camboriú, Ricardo Miranda.

  • As ações de regulação e fiscalização das atividades colocadas em prática pela Águas de Camboriú, relacionadas ao saneamento básico (abastecimento de água e esgotamento sanitário), são de responsabilidade da Agência de Regulação de Serviços Públicos de Santa Catarina (ARESC):  http:www.aresc.sc.gov.br/  0800 643 2611.