Notícias

Ver notícia

O Afluentes Digital promovido pela Águas de Camboriú reuniu representantes da comunidade para apresentar os últimos trabalhos desenvolvidos pela concessionária. A empresa desenvolveu ações e melhorias com foco no abastecimento durante a temporada de verão e esclareceu, também, questões levantadas pelos moradores.

Durante o encontro a coordenadora de operações da concessionária, Alana Lassen, lembrou as principais obras e investimentos realizados antes e durante a temporada de verão. Para atender à população flutuante que visita a cidade durante o verão, as equipes fazem um levantamento das ações que precisam ser concluídas antes do Natal.

“Neste ano identificamos a necessidade de realizar uma melhoria no booster Rio Amazonas, que beneficiou os moradores do Rio Pequeno, bairro em constante crescimento na cidade. Também foi realizado, em janeiro deste ano, a instalação de um equipamento chamado logger na rua Olga Bernardes. O equipamento mediu a pressão da região e identificamos a necessidade de uma extensão de rede, o que melhorou imediatamente o abastecimento no local”, explica ela.

Outros investimentos também foram listados durante a tarde, como a instalação de uma nova descarga no reservatório R2 (da Emasa) e a melhoria nas pressões e na distribuição do loteamento Terras Altas. “A reservação de água é uma conquista importante para o município. Quando iniciamos a concessão a cidade possuía apenas mil metros cúbicos de reserva. Agora temos pouco mais de 5 mil m³, ou seja, cinco milhões de litros de água reservados”, completa Alana.

Durante a tarde o morador Afranio Thiel levantou dúvidas sobre os vazamentos e questionou quais medidas a concessionária toma para resolver os pontos identificados. “Tenho notado alguns vazamentos recorrentes, principalmente no bairro Tabuleiro. Como vimos, o índice de perdas de água já baixou, parabéns pelo trabalho de vocês em relação a isso, mas como o trabalho é feito para resolver esses problemas?”, apontou o morador.

Alana esclareceu que o vazamento nas cidades pode acontecer em dois locais principais: na rede de distribuição e nos ramais, que são tubulações menores que levam a água para as residências. Os vazamentos acontecem por diversas razões, mas a maioria das causas está ligada a rompimentos de terceiros, tubulações antigas ou movimentações na superfície da terra, por exemplo.

“Para se ter uma ideia, no mês de fevereiro 45% dos rompimentos de Camboriú foram causados por terceiros, ou seja, quando alguém faz alguma interferência e rompe uma tubulação. Trabalhamos sempre para responder essas situações o mais rápido possível, o tempo de atendimento é fundamental e nosso objetivo é sempre de diminuir a perda de água e atender cada vez mais rápido”, completa Alana.

Compartilhar:

Veja Também

Licença para execução de obras Saiba mais
Licença para execução de obras

DEFINIÇÃO DO SERVIÇO E PÚBLICO ALVO  Após receber este documento, o requerente está apto a solicitar a ligação definitiva no atendim...

Quem Somos Saiba mais
Quem Somos

A Águas de Camboriú é responsável pelo abastecimento de água do município de Camboriú, em Santa Catarina.

Certidão de Viabilidade de água e esgoto Saiba mais
Certidão de Viabilidade de água e esgoto

DEFINIÇÃO DO SERVIÇO E PÚBLICO ALVO Após receber este documento, o requerente já estará apto à solicitar no atendimento presencial a liga...

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Águas de Camboriú e saiba mais sobre abastecimento, obras, programas e projetos.